Avançar para o conteúdo

Quinta Sinfonia

A importância de uma alimentação sazonal

Foi depois de nos termos mudado para o campo quando começamos a viver uma vida muito mais ao ritmo das estações. Talvez porque uma coisa seja a teoria e outra a prática. É certo que na cidade aplicávamos alguns conceitos de sazonalidade na nossa alimentação, mas viver, sentir e ver essa sazonalidade que nos trás cada estação foi o que nos fez mudar ainda mais. Já alguma vez escrevi que todos deveriam fazer um estágio ou um ano sabático no campo. Viver as 4 estações e entender as implicações que cada uma tem nos alimentos disponíveis, no corpo e as suas necessidades e até na mente é algo que seria muito benéfico para todos.

Talvez seja mais fácil comer de forma sazonal vivendo no campo mas qualquer pessoa independentemente do sitio onde viva, o pode fazer, mesmo sem ter de fazer grandes mudanças na sua rotina de compras.

Porquê é importante comermos de forma sazonal

Primeiro, vamos falar sobre o porquê de comer de acordo com a estação do ano. E aqui faço um parêntesis e viajo uns bons atrás até à minha infância. E os que são mais ou menos da minha geração, seguramente têm as mesmas memórias que eu. Quando eu era miúda não havia morangos durante todo o ano. Lembro-me perfeitamente quando começavam a aparecer nas lojas do bairro os primeiros. Esse momento era vivido como algo especial! Tínhamos estado quase 1 ano sem comer morangos e finalmente ali estavam eles! Lembro-me que sempre eram vermelhos e pequenos se comparamos com os morangos de agora. Depois tudo foi mudando… e as frutas e verduras deixaram oficialmente de ter temporada porque passamos a encontrar de tudo, todo o ano. A isso chamamos progresso e, no entanto, agora olhando desde a distância e dentro do ponto de vista de respeito pela natureza e pelas necessidades do nosso corpo, a isso chamaria antes, um atraso.

No mercado é algo muito habitual durante o inverno que me perguntem se temos tomates ou curgetes. Eu costumo responder com um “não, não é temporada”. Há pessoas que acabam por dar pé a uma explicação mais detalhada e outras acabam por se ir embora seguramente a pensar que claro que é temporada porque há tomates e curgetes todo o ano!

Mas então o que é comer sazonalmente? Comer sazonalmente é viver plenamente a estação e o que a terra oferece durante esse período. De uma forma simples, significa comer frutas e verduras produzidas de forma natural durante épocas especificas do ano.

Comer sazonalmente é mais saudável. Os produtos de temporada nascem e crescem ao ar livre. Recebem a luz natural do sol que faz com que o produto tenha uma série de nutrientes e vitaminas que são os que o corpo necessita nessa especifica estação do ano. Para não falar no sabor. Provem um tomate produzido no inverno numa estufa ou um tomate produzido no verão e colhido no seu ponto óptimo de maturação e digam-me se não há uma diferença como do dia para a noite!

Também quando o produto é da temporada, normalmente significa que é mais abundante e produzido mais perto do local do consumo o que é muito importante não só para garantir mais frescura mas também para evitar o seu transporte diminuindo a pegada ecológica. Para além de que um produto que vem de muito longe, normalmente tem que ser apanhado antes de ter atingido o seu ponto óptimo de maturação de modo a manter-se “fresco” quando chega às estantes dos supermercados. Apanhar uma fruta ou verdura antes do tempo significa uma perda de nutrientes e vitaminas.

Comprar produtos de temporada na tradicional frutaria de bairro ou numa grande superfície

Se perto de casa não há nenhum mercado de produtores ou simplesmente não gostamos muito da dinâmica de um mercado de rua, mesmo assim não há razão para não comer produtos de temporada. Em qualquer frutaria de bairro ou mesmo na frutaria das grandes superfícies há sempre produtos da época. A melhor maneira de acertar com o que vamos comprar é em cada estação ter uma ideia de quais são os produtos de temporada. Desta maneira sabemos o que devemos priorizar e os produtos que devemos evitar. Para vos dar alguns exemplos, na primavera é época de ervilhas que costumam estar prontas a apanhar a partir de finais de Abril. As favas aqui na quinta chegam sempre em Maio e de Maio não passam. As primeiras curgetes chegam em Maio e os tomates chegam a finais do mês de Junho, princípios de Julho. Tudo isto mais semana menos semana. Obviamente depende um pouco de quando se semearam ou do próprio clima do local.

Comprar produtos de temporada a produtores

Praticamente hoje em dia não há desculpa para não comprar as frutas e verduras de temporada a um produtor. Felizmente nos últimos anos o sector agrícola renovou-se com a entrada de muitas pessoas que começaram a fazer da agricultura a sua forma de vida. Há muitos projetos interessantes que para além de produzirem alimentos de grande qualidade também fazem uma agricultura que respeita o meio ambiente. Muitos destes projectos dedicam-se a produzir somente produtos de temporada, muitos deles sem recurso a estufas. Muitos destes produtores participam em mercados de produtores e também costuma haver a possibilidade de comprar os produtos por internet.

Ao comprar a um produtor estamos a garantir que estamos a comprar produtos locais. São produtos muito mais frescos, mais saudáveis e comprar a um produtor é ajudar à economia local.

Uma pequena nota...

No último ano com os sucessivos confinamentos, o negócio de entregas de cabazes ao domicílio aumentou bastante. De repente, era abrir as redes sociais e em 5 minutos ver uma série de empresas que ofereciam este serviço. Vi cabazes de todo o tipo e feitio. Alguns com aspecto mais de “produtor” e outros umas grandes cestas ao melhor estilo Carmen Miranda, ananases incluídos! A nota que quero deixar aqui é que sejam críticos com o que vêem, compram e comem. Se realmente querem adoptar uma alimentação mais de acordo com a época, se realmente querem apoiar um produtor e consumir produtos locais, informem-se bem sobre quem vende, o que vende e de onde vêm os produtos que vendem.

E agora um pouco de auto-promoção! Se estão na zona de Lisboa e procuram um mercado de produtores para fazer as vossas compras semanais, não deixem de visitar-nos no Mercado da Quinta das Conchas no Lumiar. Todos os sábados das 9.00 h às 14.00 montamos banca com produtos de temporada, sempre frescos, sempre deliciosos! E se não vos apetecer vir ao mercado não há desculpa porque também entregamos em casa!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *